Arteterapia nas Organizações



Por natureza, desde os primórdios da civilização, a humanidade desenvolveu experiências com arte, trabalho com as mãos, onde os pensamentos e sentimentos são ativados e colocados no mundo da matéria, produzindo criativamente, desde artefatos, objetos, soluções para todas as necessidades humanas.


São muitos os campos em que a arteterapia pode ser empregada. Num mundo onde o material, a objetividade e a racionalidade têm sido tão valorizados, permitirmo-nos a expressão de nossos instintos, intuições, sensações, sensibilidade, subjetividade e emoções através da arte facilita a materialização destas potencialidades “invisíveis” tornando-as mais bem compreendidas, assimiladas, transformadas e integradas em ações práticas.


Para entendermos o que é Arteterapia nas Organizações, temos que primeiramente perceber que, neste contexto, o foco da Arte está voltado para a expressão dos pensamentos, sentimentos, comunicação, criatividade e, na Terapia, está para o processo reflexivo pessoal, grupal ou social.


Quando aliamos Arte à Terapia, temos o nosso humano inteiro se expressando e refletindo para ir em busca de relacionamentos, resoluções e produções mais criativas e inovadoras.


Desta forma, temos pessoas integradas formando grupos coesos, que aproveitam a rica diversidade das capacidades e habilidades individuais, para criarem de forma mais produtiva, com maior clareza dos propósitos pessoais e empresariais, expressando a autenticidade do grupo, a integridade da empresa e trazendo sentido e significado às suas atuações, relações e produções.


Ao trazermos a arteterapia para o contexto empresarial, damos possibilidade aos colaboradores de concretizarem o que habita em seu mundo subjetivo, uma vez que podemos visualizá-lo através da linguagem das formas e cores, bi dimensão, tri dimensão e, desta maneira, refletir, transformar e intervir no que criamos na arte e assim, facilitar a percepção de como podemos interferir na vida.


Quando falamos em Arteterapia nas Organizações, essas reflexões com a arte garantem um conforto de proteção à individualidade e intimidade, acrescentando à vida de todos maiores conhecimentos de como se relacionar e trabalhar em equipe, para um desenvolvimento harmonioso, equilibrado de si mesmo e do grupo como um todo, favorecendo as relações dentro da empresa.


A arteterapia também possibilita ampliar a habilidade de gerenciar a si mesmo e ao grupo de forma criativa, trazendo transformações valiosas para a saúde mental e bem-estar, proporcionando o aumento da produtividade de forma saudável, onde os conflitos se tornam cada vez mais produtivos e criativos.


Dinâmicas de arteterapia trazem experiências inovadoras para ampliar a criatividade e assim facilitar a resolução de problemas, por dinamizarem a intuição, sentimentos, pensamentos e atitudes.


Organizações e criatividade estão intimamente ligadas. A expressão criativa facilita o trabalho com as organizações de forma aberta à medida que o grupo pode ir em busca de soluções adequadas ao momento e ir transformando conforme as necessidades que forem surgindo.


Ao passo que cada indivíduo sabe mais de si mesmo e aprende a lidar melhor com suas potencialidades e fragilidades, isso facilita o entrosamento com a equipe e com as diferentes habilidades e funcionamento de sua rede de trabalho, trazendo mais qualidade das relações interpessoais.


A escuta e a empatia são trabalhadas para que o outro, seja ele um colega, um cliente ou um subordinado, possa ser ouvido em sua problemática, sua dor, seus interesses e desejos, gerando uma comunicação mais assertiva.


A arteterapia também pode ser usada em benefício de conhecer melhor uma pessoa no momento da seleção e para treinamento de funcionários, bem como para mantê-los em satisfação como seu trabalho, colocando-os em contato consigo mesmo e com a equipe, trazendo seus anseios e questões para serem equacionados com o grupo.


Uma árvore que recebe bons nutrientes dará bons frutos, por essa razão, tudo que se faz com inteireza, trará uma produtividade mais saudável, com maior consciência dos custos e benefícios, conhecimento do mercado e das potencialidades da equipe.


Tudo que for gerado e gerenciado com integridade e alinhamento de propósitos, transparecerá para a equipe, para o cliente e consequentemente para a marca e imagem da empresa, trazendo tanto para dentro, como fora do ambiente corporativo maior humanização.


 

Quer saber mais como a arteterapia pode melhorar a produtividade e os resultados da sua empresa e ainda garantir a saúde mental e o bem estar dos seus colaboradores?